sexta-feira, 8 de abril de 2016

Veículo da Câmara de Arcoverde é motivo de conflito entre vereador e pré-candidato do PSB



Arcoverde: Se alguém achava que tudo o que poderia acontecer na Casa James Pacheco já aconteceu, estava enganado. Na última quarta-feira (6), um conflito por causa de um veículo da Câmara de Vereadores de Arcoverde acabou indo parar na Delegacia de Polícia e no Ministério Público de Pernambuco, comprovando o baixo nível em que se transformou uma das legislaturas mais confusas e mais fracas dos últimos 20 anos na Capital do Sertão.


Tudo aconteceu em um posto de combustível da cidade, quando servidores que fazem parte da assessoria do vereador Warley Amaral se deslocaram para entregar ofícios da Casa James Pacheco, aonde o parlamentar é o primeiro secretário e pararam para abastecer.


De acordo com a denúncia feita ao MPPE pelo vereador, na chegada ao posto de combustível os assessores teriam sido abordados pelo Sr. Weverton Siqueira, mais conhecido como Siqueirinha, filho do presidente da Câmara, Sargento Siqueira, e pré-candidato a vereador pelo PSB (Partido Socialista Brasileiro), o mesmo de Warley. Ele teria tomado a chave do veículo e, em voz alta, teria dito que “quem mandava na Câmara era ele e no carro também” (?), deixando os assessores à pé. Ele não tem nenhum cargo na Câmara.


Ao ser informado do caso, o vereador Warley Amaral, que teria sido também ofendido com palavras de baixo calão segundo a denúncia do mesmo, formulou pedido de providências junto ao Ministério Público. O veículo, e o caso, acabaram indo parar na DP municipal.

Fonte e Foto: Folha das cidades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...