quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Brasil descobre que SUS não funciona porque médicos desafiam lei da física




O maior problema do SUS é a consulta médica. Isso todo brasileiro sabe. Mas agora o Brasil está descobrindo porque o Sistema Único de Saúde (SUS), apesar de suas qualidades, não funciona nesta área.

O SUS é ruim porque médicos desafiam a lei da física. Apesar de terem um único corpo, muitos médicos ficam em dois, três ou quatro lugares ao mesmo tempo. Eles ganham do SUS, mas trabalham em clínicas e hospitais particulares.

Enquanto isso, alguns médicos honestos quase se matam porque trabalham por dois ou três que ganham sem trabalhar. Claro que não há sistema, empresa ou país que aguente.

Em operação em Santa Catarina, na manhã desta terça-feira, a Polícia Federal deflagrou a operação Onipresença, que investiga o não cumprimento de horas de trabalho por médicos do Hospital Universitário Professor Polydoro Ernani de São Thiago (HU/UFSC). Estão sendo cumpridos 52 mandados de busca e apreensão em clínicas e hospitais públicos e privados de quatro municípios do Estado: Florianópolis, Itajaí, Criciúma e Tubarão. Ao menos 27 médicos devem ser indiciados pela PF, segundo jornal Diário Catarinense.

Recentemente, inúmeras ações na Justiça e reportagens de televisão mostram, em todo Brasil, a mesma situação. O delegado da PF, Allan Dias, que investiga a operação Onipresença, de Santa Catarina, afirmou: “não faltam médicos no HU, eles precisam apenas ir trabalhar”.

Se houvesse um trabalho da Polícia Federal e um disque denúncias exclusivo para o SUS, é possível que o sistema melhorasse bastante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...