quinta-feira, 2 de junho de 2011

Arcoverde e o Estado reforça segurança durante o São João 2011

O aumento poderá ser visto no número de pessoas trabalhando durante as festas juninas: 42% mais PMs, 66% mais bombeiros e 133% mais funcionários da Polícia Científica; a maioria do efetivo atuará no Recife, Caruaru, Gravatá e Arcoverde


Reprodução TV Globo

Foto: Reprodução TV Globo

Para garantir a segurança durante as festas juninas, o governo do Estado anunciou algumas medidas durante entrevista coletiva realizada nesta quinta-feira (2). Entre as ações estão o aumento nos efetivos da Polícia Civil, Militar, Científica e Corpo de Bombeiros. Estes profissionais atuarão, principalmente, no Recife, Caruaru, Gravatá e Arcoverde.

Outras mudanças também foram anunciadas: a proibição de férias a qualquer funcionário durante o São João, a contratação de mais gente e a atuação do pessoal da área administrativa nas ruas. Serão quase R$ 2,4 mi gastos em diária.

Mas o que chama atenção mesmo é o número de policiais envolvidos na operação São João. Só na Polícia Militar, 4.560 PMs vão reforçar as equipes de rotina, o que representa 42% a mais que o ano passado. Boa parte destes profissionais vai trabalhar no interior do Estado.

“O interior recebeu aproximadamente mil homens e isso já e um fortalecimento. Além disso, estamos mandando para o interior um pessoal que trabalha na Região Metropolitana para atuar durante as festividades”, afirmou o diretor Geral de Operações da Polícia Militar.

O Corpo de Bombeiros vai contar com 11 plataformas de observação, 69 carros e 4 mil profissionais, 66% a mais que em 2010. A maioria ficará no Recife, Caruaru, Gravatá e Arcoverde. Para os bombeiros, a principal preocupação será o trabalho de prevenção.

“É importante dizer que os pais devem não estimular o uso de fogos por crianças e barracas e os polos de festas também têm que cumprir as exigências de segurança”, recomendou o coronel Casa Nova, comandante do Corpo de Bombeiros.

Já na Polícia Civil, mais que o dobro de policiais vão estar trabalhando durante os festejos juninos. Serão 6.4 mil policiais. Além deles, 616 peritos e técnicos do Instituto de Criminalística (IC) vão estar a postos. A estrutura preparada pela Secretaria de Defesa Social dispõe ainda de delegacia móvel e dois helicópteros até o fim dos festejos. Isso sem qualquer prejuízo para o esquema de segurança de rotina em todo o Estado.

“No final do ano passado nós contratamos cerca de 600 bombeiros, 640 policiais civis e quase 2 mil policiais militares. Estas pessoas serão chamadas para reforçar os pólos de animação”, afirmou o secretário de Defesa Social, Wilson Damásio.

Fonte: pe360graus.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...